António Guterres foi o nome que o Conselho de Segurança das Nações Unidas indicou formalmente para o cargo de secretário-geral da ONU. O anúncio foi feito na quinta-feira, em Nova Iorque.

O presidente do Conselho de Segurança da ONU, Vitaly Churkin, afirmou depois que a escolha é uma mostra “muito forte de unidade”, a qual mostra que Guterres poderá contar com um forte apoio. O embaixador russo descreveu o novo secretário-geral da ONU como uma pessoa “que fala com todos e que ouve toda a gente.

O antigo primeiro-ministro português, irá assumir as funções de secretário-geral da ONU a partir de 1 de janeiro de 2017.

Foto: Denis Balibouse | agência Reuters